Como apagar a conversa do amigo no facebook?

Se pretende apagar no seu computador as conversas que teve no bate-papo (chat, sala de conversação) do facebook, isso é simples e basta seguir estas instruções:

Vá página inicial, escolha a opção mensagens, escolha a pessoa em questão e ao lado do nome da pessoa está escrito opções. Aí, é só escolher a opção excluir.

(Note no entanto que as programadores do facebook nunca estão quietos muito tempo e podem facilmente mudar a posição destas opções. Eu até acho que eles se divertem a fazer isso para deixarem os utilizadores às aranhas, tal é a frequência com estão sempre a mudar as coisas)

Coisa diferente é pretender apagar essas mesmas conversas no computador do seu amigo. Isso não é possível.

Se por exemplo você teve uma conversa que o desagrada ou pode ser comprometedora para si, ou que se arrependeu de ter tido, note que não pode apagar essa conversa no computador das outras pessoas.

Não são boas notícias e reconheço, não é lá muito justo. Uma vez que são conversas que lhe dizem respeito é natural que sinta que tem o direito de as anular ou apagar ou ter algum controlo sobre elas, mas não pode.

Não pode por razões técnicas. A partir da altura que escreveu alguma coisa na net, essas frases podem ser logo copiadas usando diversas técnicas: ctrl+c, print screen, fotografando o écrã, imprimindo, etc. Ora mesmo que agora pudesse apagar as conversas do chat que estão no pc de outra pessoa, isso não significa que essa pessoa já não as tenha copiado para outro lugar ou até imprimido o diálogo.

Daqui se conclui que é muito importante prevenir. É de facto a única solução. É fundamental ponderar antes de escrever ou falar alguma coisa na internet, pois que isso pode ser usado contra si.

Outra coisa a ter em atenção é que as conversas descontextualizadas podem provocar estragos consideráveis. Isto é, uma conversa isolada, ainda para mais escrita, pode transmitir uma ideia errada e diferente da intenção que a pessoa teve na altura; basta pensar que quem escreveu estava a brincar, tinha bebido mais do que o aconselhável, estava deprimida e sozinha, ou qualquer estado de espírito que a afectou naquele momento.

Não é justo confrontar as pessoas com conversas fora do contexto, mas creia que os outros não perderão a oportunidade de o fazer em particular se sentirem atingidos. E dificilmente aceitarão a desculpa que “aquela conversa” foi dita num determinado ambiente e que não tem o significado que agora se pretende dar.

Com tudo isto em consideração, reforça-se aqui a importância da prevenção. Evite, para depois não ter que tentar remediar.

Finalmente, há que contar com um outro aspecto; nunca se sabe como os outros reagirão perante as situações. Há quem reaja com calma, mas também que reaja de forma desproporcionada, acrescentando mais sarilhos ao problema inicial. Com tudo isto em conta, o melhor mesmo é cortar o mal pela raiz e exigir de si a disciplina de ponderar duas vezes aquilo que vai escrever. Se tem dúvida sobre o que ia dizer, não diga, se lhe parece arriscado, não escreva.