O mal (doença) de Alzheimer tem cura?

O mal ou doença de Alzheimer é uma doença terrível que se manifesta principalmente pela perda de memória de curto prazo e que numa fase terminal leva os pacientes a desligarem-se completamente da realidade.

Até ao presente, o que se tem dito é que a doença não tem cura mas tem tratamento.

No entanto, uma notícia de hoje no Jornal de Notícas (JN) (entre outros que abordaram este assunto) afima que um grupo de cientista conseguiu em teste realizado no Canadá, reverter a doença ao ponto de “um ano depois, graças aos impulsos elétricos, não foram registados quaisquer sinais de permanência ou até mesmo regresso da doença de Alzheimer nos seis pacientes que constituíram a amostra da investigação.”

É comnpreensivelmente uma notícia que tem um impacto tremendo junto dos familiares vítimas desta fatalidade. E embora ainda se esteja numa fase de testes, o tratamento, que consiste em “os doentes receberam impulsos elétricos – 130 vezes por segundo – para o cérebro através da implantação de elétrodos.” faz renascer a esperança de que talvez a cura venha num futuro próximo a ser possível.

O artigo publicado pelo JN tem o título Alzheimer revertido pela primeira vez e deixamos aqui uma ligação para que possa aceder, bastando para isso clicar no título (abre numa nova janela ou separador).

Comentários