Como perder peso sem fazer dieta – como emagrecer sem dietas

Como perder peso sem fazer dieta – como emagrecer sem dietas

Perder peso sem fazer dieta é possível? sim, é possível e há vários métodos comprovados que atestam isso mesmo.

Aliás, há mesmo quem nunca tenha feito dieta na vida e nunca tenha ganho peso, pelo que é duvidoso que a dieta seja a única responsável pelo aumento do peso.

Basta lembrar que factores como a hereditariedade, certas doenças, alguns medicamentos, fumar ou não, beber álcool ou não, são apenas alguns dos factores que interferem no peso.

Fica aqui mais uma dica; quer perder peso, use um prato vermelho nas refeições.

Esta é a recomendação do Daily Mail, citando um recente estudo.

Quer perder peso? Use um prato VERMELHO; Cientistas revelam como a cor de sua louça afecta o seu apetite.

  • Pratos vermelhos parecem provocar um sinal de perigo ou evitação, reduzindo o apetite.
  • Louça branca permite que os alimentos se destaquem e pareçamm mais doces.
  • Os pesquisadores da Universidade de Valência que uma mousse de morango parece mais apetitosa num prato branco do que se empratada num prato preto.
  • Os fabricantes de alimentos devem aproveitar este estudo para reduzir o seu teor de açúcar nos alimentos.

Muitas pessoas lutam para perder peso, fazendo treino físico exaustivo e dietas entediantes. No entanto, comer menos pode ser tão simples como mudar a cor de seus pratos.

Os pratos vermelhos fazem disparar um sinal de perigo que reduz a quantidade que comemos.

Já os pratos brancos fazem parecer o sabor dos alimentos mais doce, permitindo-lhe desfrutar da sua sobremesa na mesma, mas com menos açúcar.

A cor da louça intefere na sua alimentação…

O Dr. Charles Spence, professor de psicologia experimental da Universidade de Oxford, disse: “comida rápida ou pouco saudável num prato vermelho – você acaba comendo um pouco menos – porque a cor vermelha parece provocar algum tipo de perigo ou sinal de evitação.

“A louça onde é servida a comida tem mais impacto do que qualquer um de nós suspeita”, disse o Dr. Charles Spence ao Business Insider.

Esta não é a primeira vez que o impacto da cor de louça tem sido discutido.

Por exemplo, em 2011, pesquisadores da Universidade de Valência pediram a 51 participantes que comessem a mesma mousse de morango num prato branco e preto, alternando a ordem em que o prato foi servido primeiro.

Os resultados revelaram que comer a mousse de um prato branco fez com que os participantes achassem a mousse mais doce sete por cento, 13 por cento mais saborosa e nove por cento mais agradável do que a mousse do prato preto.

Isso acontece possivelmente porque um fundo branco nos permite ver a nossa comida mais claramente ou acionar memórias de experiências gastronômicas agradáveis.

O Dr Spence disse ao MailOnline: “Pratos brancos geralmente têm uma cor contrastante para o alimento, desta forma as pessoas são mais capazes de julgar a cor do alimento em si, em vez de ser influenciadas pelo fundo”.

“Também pode ser porque os nossos cérebros mantêm um registo de todos os alimentos que consumimos e o tipo de pratos em que o fazemos.”

“Por exemplo, os queijos são tradicionalmente servidos em ardósia preta e o sorvete em tigelas brancas, por isso [possivelmente] internalizámos esses links e imaginamos que os pratos brancos tornam o alimento mais doce em geral”.

O Dr. Spence, autor de ‘Gastrophysics: The New Science of Eating’, espera que as descobertas encorajem os fabricantes de alimentos a adicionarem menos açúcar aos seus produtos e ainda assim proporcionarem a mesma experiência agradável através da conveniente escolha da cor da embalagem.

E isto, porque, acrescenta o Dr. Spence: “refeições prontas são muitas vezes consumidos directamente da embalagem.”

“Ao servir comida em um fundo branco e reduzir o açúcar, mantém o consumidor a pensar que está comendo o mesmo alimento que antes. Isso poderia ajudar as pessoas a saborear a doçura, mas com menos calorias.”

fonte: Daily Mail

(marcadores: perder peso sem fazer dieta)