Porque cantam os grilos?

Porque cantam os grilos?

Os grilos são insetos geralmente noctívagos, mas porque cantam os grilos? Estes simpáticos insectos preferem fazer a sua vida de noite, como se disse, e são morfologicamente semelhantes aos gafanhotos. Existem cerca de 900 espécies de grilos.

Quem nunca ouviu numa noite quente de Verão o cantar destes “simpáticos animais”?

Pois bem, só os grilos machos reproduzem sons, e esses sons têm como objetivo atrair as fêmeas para reprodução. O som destes animais é reproduzido através da fricção das suas asas e cada espécie de grilo tem o seu próprio som.

Este som é como que um chamamento e difere não só de espécie para espécie, como também, consoante a época do ano. Os grilos cantam mais durante a noite pois é mais seguro, assim não atraem os seus predadores, aves e outros insetos.

Apesar de não parecer ser uma boa ideia andar a cantar de noite, uma vez que isso dá uma boa indicação aos predadores de por onde andam os grilos, o facto é que estes animais foram muito bem sucedidos no processo evolutivo da selecção natural.

O que aparentemente não parecia uma grande ideia, no caso dos grilos em nada os afectou, pelo que também temos a aprender com eles que nem sempre as ideias feitas são como nos pintam. Podem ser boas ou más, mas dependem muito das circunstâncias. Que o digam os grilos.

Todos nós já tivemos um grilo numa gaiola em casa. Pois bem, existem culturas que tratam os grilos como animais de estimação e muitas delas acham que ter um grilo funciona como um amuleto da sorte.

Como animais de estimação os grilos alimentam-se de folhas de alface, são animais bastante asseados e tem um odor característico.

Contudo existem ainda culturas que criam grilos para fins culinários ou até para iscos de pesca.

Quanto à questão em título, os grilos cantam como ritual de acasalamento.